Carlos Burle sofre acidente surfando no Rio

Na última segunda-feira (06/07), Carlos Burle sofreu um acidente enquanto treinava com Maya Gabeira na Barra da Tijuca. 

Ele surfava ondas de 2 a 3 metros com boas condições e, ao entrar em um tubo, a prancha soltou do seu pé e acabou acertando o pescoço e o rosto do big rider, que por pouco não desmaiou.

O pernambucano é um dos principais surfistas de ondas grandes do planeta e garante que usou toda sua experiência para manter a consciência durante os momentos mais críticos, logo após o impacto.

“Apesar de surfar ondas enormes pelo mundo, poderia ter morrido hoje na frente de casa! Tomei essa pancada muito forte da prancha e quase apaguei. Demorou um tempo para que voltasse ao normal. A respiração ficou difícil, o corpo ficou mais lento... Aliás, o tempo ficou mais lento, parecia estar em slow motion”, revela.

Um dos agravantes nesse caso é o fato da prancha de tow in ser mais pesada e rígida que as pranchinhas normais, para poder comportar a velocidade do jet ski e a pressão das ondas grandes.

Para Carlos Burle, treinar em condições menores comparadas as que irá enfrentar em um dia realmente gigante, é a forma de manter-se preparado para os momentos cruciais que enfrenta ao longo de sua vida.

Até porque, a expectativa para o final do ano é um possível retorno com Maya Gabeira a Nazaré, em Portugal, onde a surfista passou por sérios apuros e Burle surfou a maior onda da sua vida, em 2013. 

"Maya e eu estamos super focados e treinando muito para um reencontro com Nazaré. Aquele lugar é incrível e merece toda nossa admiração e respeito! As expectativas para essa temporada são excelentes, temos um ano em que o fenômeno El Niño deve vir mais forte, o que significa ondas grandes e boas condições”, concluiu. 

Abaixo, você assiste ao vídeo do acidente com Carlos Burle e o momento exato da pancada.



[Imagens: Arquivo pessoal]